23 de fevereiro de 2010

O speedtest

A importancia da velocidade contratada com o nosso operador de internet é sempre relativa pois os melhores valores conseguidos só representam a velocidade entre o nosso computador e o servidor deles, normalmente as velocidades vão baixando sempre à medida que o sinal percorre os labirintos da World Wide Web. Contratei com o meu operador 100 Megabytes mas como toda a gente, em casa uso o wireless, dada a liberdade de movimentos que permite. O intrigante é que me forneceram um router da norma G que só permite um máximo de 54 Mb/s quando ja estão disponiveis no mercado (e quase pelo mesmo preço) routers com a norma N que permitem atingir velocidades 5 vezes superiores... Resumindo - fiz testes de velocidade ligado por ethernet atingindo os 94.4 Mb/s de minha casa até a Novis/Clix, mas ligado via router wireless os resultados de speedtest em servidores da costa leste dos USA os valores máximos conseguidos foram entre os 5 e os 9 Mb/s, o que apesar de tudo ainda é muito bom. Como seria de esperar não autorizei a colocação de equipamentos PLC de cujas interferencias se queixam os radioamadores que vivem nas proximidades e dos alegados efeitos para a saude  tão falados nos forum's. ver aqui. zct

1 Comentários:

Anonymous Anónimo disse...

Boas.
Isso de adquirir 100MB e facultarem um router norma G é simplesmente... estúpido.
Para além disso, acho que deveriam verificar as placas de rede dos computadores para verificarem se pode usufruir da norma N, pois podes ter router norma N e o pc não suportar... ;)

11/03/10, 02:21  

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial