20 de julho de 2008

Mares Vivas 2008

Na renovada marginal do Douro, no Cabedelo o ex-Bauhaus Peter Murphy mostrou a boa forma vocal e o modo como se entregou entusiasmou os milhares presentes no recinto. A noite começou com os suecos "Shout Out Louds" de que tanto eu como a maioria só conhecia o tema do spot publicitario da Optimus "Tonight I Have To Leave It". Depois os "Sisters of Mercy" que mal se distinguiam no meio de tanto fumo, situação agravada pela má qualidade do som. No sábado a noite começou com um delicioso por do sol pouco antes da actuação da americana Macy Gray que mostrou ser uma grande performer. Veio acompanhada de bons musicos e de duas vocalistas de suporte que deram nas vistas. A desilusão chegou a seguir com os "Riders on the Storm" e a descarada colagem à imagem de Jim Morrison. O teclista soube como entusiasmar um certo tipo de publico ao falar em "weed" e "joints". Por certo estava a exagerar ao tentar associar "sex machine" a James Brown e a Robby Krieger. O vocalista também foi uma desilusão. É certo que é uma tarefa dificil tentar ocupar a vaga deixada por Morrison. Rapidamente foram esquecidos com a entrada em força dos James. A adesão foi total, o publico reconhecia todos os temas logo aos primeiros acordes, Tim Booth dançou freneticamente, o trompetista surpreendeu-nos envergando um vestido vermelho comprido e a noite terminou bem tarde, já perto das 04:00 com o palco cheio de fãs. zct

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial