27 de janeiro de 2011

Enriquecer à custa de donativos

A jornalista Conceição Queiroz realizou uma reportagem para a TVI sobre as dificuldades dos habitantes da Jamba que ao ser exibida na tv despoletou uma onda de solidariedade que redundou na recolha de algumas toneladas de alimentos e material escolar. A reporter acompanhou o envio dos contentores com os donativos para Angola que esbarraram com a burocracia dos serviços alfandegários que só deixaram sair os contentores depois de uma longa espera de 20 dias e após o pagamento de 4000 dólares. A receita dos serviços alfandegários em 2008 foi de 3.000.000.000 de dólares ou seja 4.000.000 de dólares por dia. É assim que a corrupta classe dominante enriquece enquanto as pessoas morrem de fome na rua. O povo angolano que hoje vive ainda mais espoliado que nos tempos coloniais precisa de seguir os exemplos da Tunísia e do Egipto e escorraçar os ladrões que andam a esbulhar a riqueza do país. Recomenda-se a leitura do livro "Meninos da Jamba" da referida jornalista. zct

Etiquetas:

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial